terça-feira, 10 de maio de 2016

Profissão perigo.

 

Diante da fragilizada segurança pública nacional, a profissão de vigilante “púbica ou privada”, tornou-se, uma “profissão perigo”. No entanto, recentemente os desprotegidos vigilantes potiguares vêm sofrendo represálias acompanhadas de perversidades criminais, aonde esses perversos bandidos, matam os mesmos somente para roubar seus coletes aprova de balas e revólveres.      

Nenhum comentário: