quinta-feira, 19 de maio de 2016

Pensão da vergonha.

O probo senador, José Agripino (DEM), vive arrotando moralidade pública na prática do bem comum. No entanto, o eminente senador recebe uma vergonhosa pensão vitalícia, como ex-governador do RN, no valor de R$ 30.471,11. Todavia, para o mesmo ser beneficiário desta gorda pensão trabalhou apenas cinco anos e três meses. Enquanto, isso um trabalhador comum para ter seu direito à sua difícil aposentadoria tem que trabalhar pelo menos 35 anos, na sua maioria recebendo um minguado salario mínimo. E agora José?  

Nenhum comentário: