sábado, 30 de abril de 2016

Ironia do destino.

Logo após sua derrota nas urnas, para presidenta, Dilma Rousseff (PT), o (PSDB) nacional comandado, pelo eminente Aécio Neves, entrou com recurso jurídico no (TSE) dependido à cassação da chapa Dilma e Temer. Agora aliado politico do golpista, Michele Temer (PMDB), ambos estão chegando juntos ao sonhado Palácio do Planalto. Todavia, resta saber se probo, Aécio Neves, vai retirar o processo de cassação contra seu novo aliado, o conspirador Michel Temer?      

Nenhum comentário: