terça-feira, 5 de abril de 2016

Força oculta do poder

 
Um poder executivo exerce camuflada força politica, sobre as benesses do poder. Veja bem, o Partido Democrático Trabalhista (PDT), não elegeu nenhum vereador em Natal, na última eleição municipal. No entanto, com a força politica no corporativismo eleitoral, promovido por um bom mandato do prefeito, Carlos Eduardo (PDT). Hoje a maior abancada na câmara municipal natalense é formada pelo (PDT) com adesão de seis vereadores, Ari Gomes (ex-PROS), Chagas Catarino (ex-PROS), Emanoel Cação (ex-PP), Júlia Arruda (ex-PSB) Júlio Protásio (ex-PSB) e Raniere Barbosa (ex-PRB).              

Nenhum comentário: