sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Fátima comemora decisão que suspendeu depoimento de Lula 

A senadora Fátima Bezerra comemorou a decisão do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) que suspendeu, na terça-feira (16), os depoimentos que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua mulher, Marisa Letícia, dariam ao Ministério Público, nesta quarta.

A suspensão ocorreu após uma representação do deputado Paulo Teixeira (PT-SP), que questiona a competência do promotor Cássio Conserino para atuar no caso. O deputado também denuncia o fato de, antes mesmo de ouvir os esclarecimentos do ex-presidente, ter anunciado, em uma revista de circulação nacional, seu convencimento de que iria oferecer denúncia contra o ex-presidente pelos crimes de ocultação de bens e lavagem de dinheiro. O conselheiro Valter Shuenquener Araújo concedeu liminar suspendendo o depoimento até que o conselho analisasse as denúncias.

No Plenário do Senado, na quarta-feira (17), Fátima lembrou que o promotor Conserino tem extrapolado suas prerrogativas, com motivação política como para se autopromover. “Esse senhor vem agindo em flagrante abuso de poder, ao anunciar, antes mesmo de ouvir os depoimentos de Lula e de sua mulher, que iria indiciá-los por lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio. Se o interesse fosse real e iminentemente público na ação do promotor, ele não teria ido às páginas da revista semanal para questionar a idoneidade, adiantar o seu convencimento antes mesmo de ouvir a parte”, criticou.

Fátima enalteceu ainda as manifestações de apoio ao ex-presidente Lula, no Fórum da Barra Funda em São Paulo. “As manifestações de apoio ao ex-presidente Lula na porta do Fórum mostraram o quanto o Presidente é querido, o quanto o Presidente é amado, o quanto o Presidente é respeitado; mostraram quanto há de base social na defesa do ex-presidente Lula. No Fórum, o que se viu foram manifestantes a favor do ex-presidente, manifestantes contra. Só que com um detalhe: os manifestantes contra eram um punhado de pessoas, um número extremamente inferior, mas inferior mesmo, à quantidade de manifestantes que foram lá levar o seu abraço de solidariedade e, ao mesmo tempo, de indignação tanto ao ex-Presidente Lula como à querida Dona Marisa Letícia, que têm sido alvo, de uma campanha difamatória, de uma campanha leviana”, afirmou.

Nenhum comentário: