quinta-feira, 23 de julho de 2015

Em Monte Alegre, senadora Fátima participa da entrega de 350 imóveis do Minha Casa, Minha Vida
“Hoje é um momento de muita emoção para as famílias que irão receber a sua casinha própria. Há mais de três décadas que o Brasil carecia de programa habitacional. Foi no governo Lula que iniciamos políticas públicas que resultaram na criação de um programa tão audacioso e inclusivo como é o Minha Casa, Minha Vida, lançado pela presidenta Dilma em 2009. O dia é de festejar a cidadania que hoje se fez presente em Monte Alegre”, discursou Fátima durante solenidade realizada nesta terça-feira (21), de entrega dos 350 imóveis do Residencial Novo Monte (investimento de R$ 21,3 milhões), que vai atender cerca de 1.400 pessoas.
 
O superintendente da Caixa Econômica Federal no Rio Grande do Norte, Roberto Sérgio Linhares, ressaltou os números positivos do Programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV), que só no RN atingiu a marca de 75 mil moradias, beneficiando mais de 300 mil pessoas. 
 
Roberto Sérgio acrescentou ainda que nos próximos dias será inaugurada a primeira fase (com 600 moradias) de mais um empreendimento do MCMV, dessa vez em São Gonçalo do Amarante. “Esse complexo será o maior do estado, com um total de 1.800 imóveis”, informou.
 
Fátima Bezerra acrescentou que este ano a presidenta Dilma Rousseff vai anunciar a 3ª fase do programa Minha Casa, Minha Vida, cuja meta do Governo Federal é chegar, até 2018, a marca de 7 milhões de casas.
 
Presentes também na solenidade: senador Garibaldi Alves Filho; deputado estadual Ricardo Motta; prefeito de Monte Alegre, Severino Rodrigues; vereador Fagner Ferreira, além de secretários e demais autoridades.
 
Em tempo: No ano de 2012 foi entregue, também em Monte Alegre, o Residencial Esperança com 169 imóveis, orçado em R$ 8,5 milhões.
 
Números: Segundo dados do Ministério das Cidades, o programa Minha Casa Minha Vida contabiliza atualmente mais de 3,76 milhões de unidades contratadas em mais de 5,3 mil municípios de todo o País, índice que representa mais de 95% dos municípios brasileiros. Desde 2009, quando foi criado, o programa entregou mais de 2,5 milhões de moradias em todo o Brasil.

Nenhum comentário: