quinta-feira, 25 de junho de 2015

Depois de servidores da Educação e de PMs, Robinson determina volta de profissionais da Saúde aos órgãos de origem

 

Depois da devolução dos servidores da Educação, e da devolução dos policiais cedidos, o governador Robinson Faria quer os profissionais da Saúde em seus órgãos de origem.
Está no Diário Oficial desta quinta-feira o decreto assinado por Robinson, antes de embarcar para a Argentina, determinando o retorno dos profissionais de saúde que integram o Quadro de Pessoal da Secretaria de Estado e da Saúde Pública (Sesap) mas que estão cedidos aos poderes Legislativo, Judiciário, Ministério Público e Tribunal de Contas. 
Os profissionais deverão retornar para o órgão de origem em até 30 dias a partir da publicação do decreto.
Caberà à Secretaria de Saúde providenciar o retorno dos profissionais de saúde aos órgãos em que se encontravam lotados antes da cessão.
O decreto não se aplica aos profissionais de saúde que estejam trabalhando em unidades municipalizadas de saúde ou cedidos para ocupar no órgão cargo de comissão cujas atribuições sejam comprovadamente de chefia, direção ou assessoramento.
(Thaisa Galvão)

 

Nenhum comentário: