quinta-feira, 21 de maio de 2015

PMDB vira partido familiar 

Assim como a telefonia no Rio Grande do Norte ganha um novo dígito agora em maio, o PMDB potiguar ganha mais uma letra: a letra A.
PMDBA: Partido do Movimento Democrático Brasileiro Alves.
Além do ministro do Turismo Henrique Alves na presidência do diretório estadual, agora o vereador Felipe Alves assume a presidência do diretório municipal de Natal.
(Thaisa Galvão)

 


Um comentário:

Eudes Mariano O Jacozinho de Dona Alaide disse...

Zé do Magnos; algumas legendas neste elefante sem memória independem do significado da sigla como agremiação partidária, são apenas bens oligárquicos da Cús-Cuz-Clã potiguar (Alves/Maias/Farias/Rosados), ou seja: tem donos. E como patrimônio doméstico as resoluções importantes são tomadas em reuniões na cozinha da casa de seus dirigentes, já que politicamemnte não passam de um bom negócio entre gerações, e sendo assim, nada mais normal do que suas lideranças serem da família em progênie sanguínea ou facção (Apadrinhados), já que não passam de gangues com ideologia.